Pedreiro suspeito de roubo morre baleado em troca de tiros com a PM em sítio de Taquaritinga, SP

Trio invadiu casa e manteve família refém na noite de terça-feira (11).

Filho conseguiu fugir e chamou a polícia.

Dois comparsas do suspeito escaparam.

Um pedreiro suspeito de roubo morreu baleado em uma troca de tiros com a Polícia Militar durante um assalto a um sítio na noite de terça-feira (11) em Taquaritinga (SP).

Dois comparsas dele fugiram e não haviam sido presos até a tarde desta quarta-feira (12). Segundo a Polícia Civil, o roubo ocorreu por volta das 22h, às margens da Rodovia Nemésio Cadetti (SP-333), na divisa entre Taquaritinga e Jaboticabal (SP).

O trio invadiu o sítio, arrombou a porta de entrada da casa e rendeu um homem, uma mulher e dois filhos do casal. Enquanto isso, um outro filho do casal, de 24 anos, que estava separado da família, pulou a janela do quarto e fugiu para a casa de um vizinho, sem ser notado pelos criminosos.

O jovem, que estava com o celular nas mãos, ligou para a PM. Segundo a Polícia Civil, houve troca de tiros quando os agentes chegaram ao sítio.

O pedreiro foi atingido e morreu no local, enquanto os outros dois fugiram de carro com os celulares das vítimas.

Eles ainda não foram identificados, de acordo com a polícia. O caso será investigado pela delegacia de Taquaritinga. Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca
Categoria:SP - Ribeirão Preto e Franca